Lucas 24:1-53

Lucas 23 João 1
Versões:

(ARC) - 1969 - Almeida Revisada e Corrigida


A ressurreição
24:1
E NO primeiro dia da semana, muito de madrugada, foram elas ao sepulcro, levando as especiarias que tinham preparado.
24:2
E acharam a pedra revolvida do sepulcro.
24:3
E, entrando, não acharam o corpo do Senhor Jesus.
24:4
E aconteceu que, estando elas perplexas a esse respeito, eis que pararam junto delas dois varões, com vestidos resplandecentes.
24:5
E, estando elas muito atemorizadas, e abaixando o rosto para o chão, eles lhe disseram: Por que buscais o vivente entre os mortos?
24:6
Não está aqui, mas ressuscitou. Lembrai-vos como vos falou, estando ainda na Galileia,
24:7
Dizendo: Convém que o Filho do homem seja entregue nas mãos de homens pecadores e seja crucificado, e ao terceiro dia ressuscite.
24:8
E lembraram-se das suas palavras.
24:9
E, voltando do sepulcro, anunciaram todas estas coisas aos onze e a todos os demais.
24:10
E eram Maria Madalena, e Joana, e Maria, mãe de Tiago, e as outras que com elas estavam, as que diziam estas coisas aos apóstolos.
24:11
E as suas palavras lhes pareciam como desvario, e não as creram.
24:12
Pedro, porém, levantando-se, correu ao sepulcro, e, abaixando-se, viu só os lenços ali postos; e retirou-se admirando consigo aquele caso.
Os dois discípulos no caminho de Emaús
24:13
E eis que no mesmo dia iam dois deles para uma aldeia, que distava de Jerusalém sessenta estádios, cujo nome era Emaús;
24:14
E iam falando entre si de tudo aquilo que havia sucedido.
24:15
E aconteceu que, indo eles falando entre si, e fazendo perguntas um ao outro, o mesmo Jesus se aproximou, e ia com eles.
24:16
Mas os olhos deles estavam como que fechados, para que o não conhecessem.
24:17
E ele lhes disse: Que palavras são essas que, caminhando, trocais entre vós, e por que estais tristes?
24:18
E, respondendo um, cujo nome era Cléofas, disse-lhe: És tu só peregrino em Jerusalém, e não sabes as coisas que nela têm sucedido nestes dias?
24:19
E ele lhes perguntou: Quais? E eles lhe disseram: As que dizem respeito a Jesus Nazareno, que foi varão profeta, poderoso em obras e palavras diante de Deus e de todo o povo:
24:20
E como os principais dos sacerdotes e os nossos príncipes o entregaram à condenação de morte, e o crucificaram.
24:21
E nós esperávamos que fosse ele o que remisse Israel; mas agora, sobre tudo isso, é já hoje o terceiro dia desde que essas coisas aconteceram.
24:22
É verdade que também algumas mulheres dentre nós nos maravilharam, as quais de madrugada foram ao sepulcro;
24:23
E, não achando o seu corpo, voltaram, dizendo que também tinham visto uma visão de anjos, que dizem que ele vive:
24:24
E alguns dos que estavam conosco foram ao sepulcro, e acharam ser assim como as mulheres haviam dito; porém a ele não o viram.
24:25
E ele lhes disse: Ó néscios, e tardos de coração para crer tudo o que os profetas disseram!
24:26
Porventura não convinha que o Cristo padecesse estas coisas e entrasse na sua glória?
24:27
E, começando por Moisés, e por todos os profetas, explicava-lhes o que dele se achava em todas as Escrituras.
24:28
E chegaram à aldeia para onde iam, e ele fez como quem ia para mais longe.
24:29
E eles o constrangeram, dizendo: Fica conosco, porque já é tarde, e já declinou o dia. E entrou para ficar com eles.
24:30
E aconteceu que, estando com eles à mesa, tomando o pão, o abençoou e partiu-o, e lho deu.
24:31
Abriram-se-lhes então os olhos, e o conheceram, e ele desapareceu-lhes.
24:32
E disseram um para o outro: Porventura não ardia em nós o nosso coração quando, pelo caminho, nos falava, e quando nos abria as Escrituras?
24:33
E na mesma hora, levantando-se, tornaram para Jerusalém, e acharam congregados os onze, e os que estavam com eles;
24:34
Os quais diziam: Ressuscitou verdadeiramente o Senhor, e já apareceu a Simão.
24:35
E eles lhes contaram o que lhes acontecera no caminho, e como deles foi conhecido no partir do pão.
A aparição de Jesus aos onze
24:36
E, falando ele destas coisas, o mesmo Jesus se apresentou no meio deles, e disse-lhes: Paz seja convosco.
24:37
E eles, espantados e atemorizados, pensavam que viam algum espírito.
24:38
E ele lhes disse: Por que estais perturbados, e por que sobem tais pensamentos aos vossos corações?
24:39
Vede as minhas mãos e os meus pés, que sou eu mesmo: apalpai-me e vede; pois um espírito não tem carne nem ossos, como vedes que eu tenho.
24:40
E, dizendo isto, mostrou-lhes as mãos e os pés.
24:41
E, não o crendo eles ainda por causa da alegria, e estando maravilhados, disse-lhes: Tendes aqui alguma coisa que comer?
24:42
Então eles apresentaram-lhes parte de um peixe assado, e um favo de mel.
24:43
O que ele tomou, e comeu diante deles.
24:44
E disse-lhes: São estas as palavras que vos disse estando ainda convosco: Que convinha que se cumprisse tudo o que de mim estava escrito na lei de Moisés, e nos profetas, e nos salmos.
24:45
Então abriu-lhes o entendimento para compreenderem as Escrituras.
24:46
E disse-lhes: Assim está escrito, e assim convinha que o Cristo padecesse, e ao terceiro dia ressuscitasse dos mortos;
24:47
E em seu nome se pregasse o arrependimento e a remissão dos pecados, em todas as nações, começando por Jerusalém.
24:48
E destas coisas sois vós testemunhas.
24:49
E eis que sobre vós envio a promessa de meu Pai: ficai, porém, na cidade de Jerusalém, até que do alto sejais revestidos de poder.
A ascensão
24:50
E levou-os fora, até Betânia; e, levantando as suas mãos, os abençoou.
24:51
E aconteceu que, abençoando-os ele, se apartou deles e foi elevado ao céu.
24:52
E, adorando-o eles, tornaram com grande júbilo para Jerusalém.
24:53
E estavam sempre no templo, louvando e bendizendo a Deus. Amém.

Pesquisando por Lucas 24:1-53 nas obras literárias.

Procurar Vídeos Sobre Lucas 24:1

Referências em Livro Espírita


Cairbar Schutel

lc 24:1
Parábolas e Ensinos de Jesus

Categoria: Livro Espírita
Ref: 3756
Capítulo: 110
Página: -
Cairbar Schutel
Detalhes Comprar

Wesley Caldeira

lc 24:5
Da Manjedoura A Emaús

Categoria: Livro Espírita
Ref: 11470
Capítulo: 30
Wesley Caldeira
Wesley Caldeira
Detalhes Comprar

Martins Peralva

lc 24:8
Estudando o Evangelho

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 39
Página: 173
Martins Peralva
Detalhes Comprar

Amélia Rodrigues

lc 24:10
Há Flores no Caminho

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 24
Divaldo Pereira Franco
Amélia Rodrigues
Detalhes Comprar
lc 24:13
Dias Venturosos

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 9
Divaldo Pereira Franco
Amélia Rodrigues
Detalhes Comprar
lc 24:29
Quando Voltar a Primavera

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 4
Divaldo Pereira Franco
Amélia Rodrigues
Detalhes Comprar

Emmanuel

lc 24:11
Vinha de Luz

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 9
Página: 29
Francisco Cândido Xavier
Emmanuel
Detalhes Comprar
lc 24:11
Evangelho por Emmanuel, O – Comentários ao Evangelho Segundo Lucas

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 205
Francisco Cândido Xavier
Emmanuel
Detalhes Comprar
lc 24:13
Antologia Mediúnica do Natal

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 72
Francisco Cândido Xavier
Emmanuel
Detalhes Comprar
lc 24:13
Seara dos Médiuns

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 17
Francisco Cândido Xavier
Emmanuel
Detalhes Comprar
lc 24:16
Caminho, Verdade e Vida

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 95
Página: 205
Francisco Cândido Xavier
Emmanuel
Detalhes Comprar
lc 24:35
Pão Nosso

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 129
Página: 269
Francisco Cândido Xavier
Emmanuel
Detalhes Comprar
lc 24:36
Doutrina de Luz

Categoria: Livro Espírita
Ref: 6832
Capítulo: 3
Francisco Cândido Xavier
Emmanuel
Detalhes Comprar
lc 24:36
Religião dos espíritos

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 85
Francisco Cândido Xavier
Emmanuel
Detalhes Comprar
lc 24:45
Harmonização

Categoria: Livro Espírita
Ref: 4058
Capítulo: 3
Página: -
Francisco Cândido Xavier
Emmanuel
Detalhes Comprar

Irmão X

lc 24:13
Lázaro Redivivo

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 12
Francisco Cândido Xavier
Irmão X
Detalhes Comprar

Diversos

lc 24:13
Luz no Lar

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 7
Francisco Cândido Xavier
Diversos
Detalhes Comprar

Léon Denis

lc 24:19
Cristianismo e Espiritismo

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 6
Léon Denis
Detalhes Comprar

Humberto de Campos

lc 24:33
Boa Nova

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 29
Francisco Cândido Xavier
Humberto de Campos
Detalhes Comprar

Autores diversos  

lc 24:36
Doutrina-escola

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 3
Francisco Cândido Xavier
Autores diversos  
Detalhes Comprar

Referências em Outras Obras


Huberto Rohden

lc 24:1
Nosso Mestre

Categoria: Outras Obras
Capítulo: 187
Huberto Rohden
Detalhes Comprar

CARLOS TORRES PASTORINO

lc 24:10
Sabedoria do Evangelho - Volume 8

Categoria: Outras Obras
Capítulo: 24
CARLOS TORRES PASTORINO
Detalhes Comprar
lc 24:19
Sabedoria do Evangelho - Volume 6

Categoria: Outras Obras
Capítulo: 29
CARLOS TORRES PASTORINO
Detalhes Comprar
lc 24:30
Sabedoria do Evangelho - Volume 5

Categoria: Outras Obras
Capítulo: 25
CARLOS TORRES PASTORINO
Detalhes Comprar
lc 24:35
Sabedoria do Evangelho - Volume 4

Categoria: Outras Obras
Capítulo: 13
CARLOS TORRES PASTORINO
Detalhes Comprar

Locais

BETÂNIA
Clique aqui e abra o mapa no Google (Latitude:31.767, Longitude:35.267)
Nome Atual: al-Eizariya
Nome Grego: Βηθανία
Atualmente: Israel
Cidade próxima a Jerusalém.Mateus 21:7

Betânia foi originalmente uma aldeia da antiga Judeia, tradicionalmente identificada com a cidade de al-Eizariya, também chamada Azariyeh ou Lazariyeh (em árabe, significando "lugar de Lázaro"), na atual Cisjordânia ocupada, onde se encontra a tumba de Lázaro.

Fica a cerca de 3 km a leste da Cidade Velha de Jerusalém e do Monte das Oliveiras.

O nome vem do grego Bethania, possivelmente a partir do hebraico bét nîyyah, contração de bét nanîyah significando "casa de Ananias". Outros significados possíveis são "casa ou lugar dos figos verdes" ou, ainda, "casa dos pobres" .

A mais antiga casa atualmente existente em al-Eizariya, uma habitação de 2:000 anos, é tida como tendo sido a casa de Marta e Maria, as irmãs de Lázaro. Trata-se de um local muito popular de peregrinação.

Betânia é mencionada diversas vezes (doze, mais exactamente) na Bíblia, como um local visitado por Jesus Cristo. Seu nome foi dado a diversas outras localidades em todo o mundo, de acordo com as variantes em cada idioma. Nos Estados Unidos por exemplo, várias cidades têm o nome de Bethany.

Há uma outra Betânia bíblica, a Betânia do Além Jordão, que não deve ser confundida com a Betânia próxima a Jerusalém.[carece de fontes?]



BETÂNIA
Clique aqui e abra o mapa no Google (Latitude:31.767, Longitude:35.267)
Nome Atual: al-Eizariya
Nome Grego: Βηθανία
Atualmente: Israel
Cidade localizada na região da Peréia, a leste do rio Jordão, reino de Heródes Antipas

EMAÚS
Nome Grego: Ἐμμαούς
Atualmente: Israel
Lugar. Lucas 24:13

Emaús (grego: Ἐμμαούς, em latim: Emmaus, em hebraico: חמת Hammat, significando "riacho quente", em árabe: عِمواسImwas) foi uma cidade antiga localizada a aproximadamente 11 km ao noroeste da moderna Jerusalém. De acordo com as escrituras cristãs, Jesus apareceu perante dois de seus discípulos em Emaús após a sua ressurreição (Lucas 24:13-35) .



GALILÉIA
Atualmente: ISRAEL
Região de colinas áridas e vales férteis, que se estende a leste e norte do Mar da Galiléia

ISRAEL
Atualmente: ISRAEL
País com área atual de 20.770 km2 . Localiza-se no leste do mar Mediterrâneo e apresenta paisagem muito variada: uma planície costeira limitada por colinas ao sul, e o planalto Galileu ao norte; uma grande depressão que margeia o rio Jordão até o mar Morto, e o Neguev, uma região desértica ao sul, que se estende até o golfo de Ácaba. O desenvolvimento econômico em Israel é o mais avançado do Oriente Médio. As indústrias manufatureiras, particularmente de lapidação de diamantes, produtos eletrônicos e mineração são as atividades mais importantes do setor industrial. O país também possui uma próspera agroindústria que exporta frutas, flores e verduras para a Europa Ocidental. Israel está localizado numa posição estratégica, no encontro da Ásia com a África. A criação do Estado de Israel, gerou uma das mais intrincadas disputas territoriais da atualidade. A criação do Estado de Israel em 1948, representou a realização de um sonho, nascido do desejo de um povo, de retornar à sua pátria depois de mil oitocentos e setenta e oito anos de diáspora. Esta terra que serviu de berço aos patriarcas, juízes, reis, profetas, sábios e justos, recebeu, Jesus o Senhor e Salvador da humanidade. O atual Estado de Israel teve sua origem no sionismo- movimento surgido na Europa, no século XIX, que pregava a criação de um país onde os judeus pudessem viver livres de perseguições. Theodor Herzl organizou o primeiro Congresso sionista em Basiléia, na Suíça, que aprovou a formação de um Estado judeu na Palestina. Colonos judeus da Europa Oriental – onde o anti-semitismo era mais intenso, começaram a se instalar na região, de população majoritariamente árabe. Em 1909, foi fundado na Palestina o primeiro Kibutz, fazenda coletiva onde os colonos judeus aplicavam princípios socialistas. Em 1947, a Organização das Nações Unidas (ONU) votou a favor da divisão da Palestina em dois Estados: um para os judeus e outro para os árabes palestinos. Porém, o plano de partilha não foi bem aceito pelos países árabes e pelos líderes palestinos. O Reino Unido que continuava sofrer a oposição armada dos colonos judeus, decidiu então, encerrar seu mandato na Palestina. Em 14 de maio de 1948, véspera do fim do mandato britânico, os líderes judeus proclamaram o Estado de Israel, com David Bem-Gurion como primeiro-ministro. Os países árabes (Egito, Iraque, Síria e Jordânia) enviaram tropas para impedir a criação de Israel, numa guerra que terminou somente em janeiro de 1949, com a vitória de Israel, que ficou com o controle de 75% do território da Palestina, cerca de um terço a mais do que a área destinada ao Estado judeu no plano de partilha da ONU.

JERUSALÉM
Clique aqui e abra o mapa no Google (Latitude:31.783, Longitude:35.217)
Nome Atual: Jerusalém
Nome Grego: Ἱεροσόλυμα
Atualmente: Israel
Jerusalém – 760 metros de altitude (Bronze Antigo) Invasões: cercada por Senequaribe em 710 a.C.; dominada pelo Faraó Neco em 610, foi destruída por Nabucodonosor em 587. Depois do Cativeiro na Babilônia, seguido pela restauração do templo e da cidade, Jerusalém foi capturada por Ptolomeu Soter em 320 a.C., e em 170 suas muralhas foram arrasadas por Antíoco Epifânio. Em 63 a.C. foi tomada por Pompeu, e finalmente no ano 70 de nossa era foi totalmente destruída pelos romanos.

Localizada em um planalto nas montanhas da Judeia entre o Mar Mediterrâneo e o mar Morto, é uma das cidades mais antigas do mundo. De acordo com a tradição bíblica, o rei Davi conquistou a cidade dos jebuseus e estabeleceu-a como a capital do Reino Unido de Israel, enquanto seu filho, o rei Salomão, encomendou a construção do Primeiro Templo.


Comentários

Beacon

Comentário Bíblico de Beacon - Interpretação abrangente da Bíblia por 40 teólogos evangélicos conservadores






Champlin

Antigo e Novo Testamento interpretado versículo por versículo por Russell Norman Champlin é cristão de cunho protestante






















































































































































Genebra

Comentários da Bíblia de Estudos de Genebra pela Sociedade Bíblica do Brasil para versão Almeida Revista e Atualizada (ARA)






Matthew Henry

Comentário Bíblico de Matthew Henry, um pastor presbiteriano e comentarista bíblico inglês.






Wesley

Comentário bíblico John Wesley - Metodista - Clérigo Anglicano






Wiersbe

Comentário bíblico expositivo por Warren Wendel Wiersbe, pastor Calvinista






Russell Shedd

Comentários da Bíblia por Russell Shedd, teólogo evangélico e missionário da Missão Batista Conservadora.






NVI F. F. Bruce

Comentário Bíblico da versão NVI por Frederick Fyvie Bruce, um dos fundadores da moderna compreensão evangélica da Bíblia






Moody

Comentários bíblicos por Charles F. Pfeiffer, Batista






Dúvidas

Manual Popular de Dúvidas, Enigmas e Contradições da Bíblia, por Norman Geisler e Thomas Howe










































Francis Davidson

O Novo Comentário da Bíblia, por Francis Davidson


















John MacArthur

Comentario de John Fullerton MacArthur Jr, Novo Calvinista, com base batista conservadora






Barclay

O NOVO TESTAMENTO Comentado por William Barclay, pastor da Igreja da Escócia






O Evangelho em Carne e Osso

Flávio Gouvêa de Oliveira, Pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil
























Notas de Estudos jw.org

Disponível no site oficial das Testemunhas de Jeová