Ὑμεῖς ἐστε τὸ φῶς τοῦ κόσμου. οὐ δύναται πόλις κρυβῆναι ἐπάνω ὄρους κειμένη·

Texto em Grego - (BGB) - Bíblia Grega Bereana

You ὙμεῖςG4771 are ἐστεG1510 the τὸG3588 light φῶςG5457 of the τοῦG3588 world κόσμουG2889 not οὐG3756 is able δύναταιG1410 a city πόλιςG4172 to be hidden κρυβῆναιG2928 on ἐπάνωG1883 a hill ὄρουςG3735 lying κειμένηG2749

Interlinear com inglês (Fonte segura)

VósG5210 ὑμεῖςG5210 soisG2075 ἐστέG2075 G5748 a luzG5457 φῶςG5457 do mundoG2889 κόσμοςG2889. NãoG3756 οὐG3756 se podeG1410 δύναμαιG1410 G5736 esconderG2928 κρύπτωG2928 G5650 a cidadeG4172 πόλιςG4172 edificadaG2749 κεῖμαιG2749 G5740 sobreG1883 ἐπάνωG1883 um monteG3735 ὄροςG3735;

(ARAi) Almeida Revista e Atualizada Interlinear (Fonte desconhecida)

Vós sois a luz do mundo. Não se pode ocultar uma cidade situada sobre um monte;
Tradução - (HD) - Haroldo Dutra Dias

Vós sois a luz do mundo. Não se pode esconder a cidade edificada sobre um monte;
(ARA) - 1993 - Almeida Revisada e Atualizada

Vós sois a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade situada sobre um monte.
(BJ) - 1981 - Bíblia de Jerusalém

Vós sois a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade situada sobre um monte;
(TB) - Tradução Brasileira

Vós sois a luz do mundo: não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte;
(ARC) - 1969 - Almeida Revisada e Corrigida

27 d.C.

G4771
Hymeis
Ὑμεῖς
(You)
Pronome pessoal / possessivo - nominativo 2ª pessoa do plural
G1510
este
ἐστε
(are)
Verbo - presente indicativo ativo - 2ª pessoa do plural
G3588
to
τὸ
(the)
Artigo - Notinativo neutro no Singular
G5457
phōs
φῶς
(light)
Substantivo - neutro neutro no Singular
G3588
tou
τοῦ
(of the)
Artigo - Masculino no Singular genitivo
G2889
kosmou
κόσμου
(world)
Substantivo - Masculino no Singular genitivo
G3756
ou
οὐ
(not)
Advérbio
G1410
dynatai
δύναται
(is able)
Verbo - presente indicativo médio ou passivo - 3ª pessoa do singular
G4172
polis
πόλις
(a city)
Substantivo - Feminino no Singular nominativo
G2928
krybēnai
κρυβῆναι
(to be hidden)
Verbo - Aoristo (pretérito não qualificado de um verbo sem referência à duração ou conclusão da ação) infinitivo passivo
G1883
epanō
ἐπάνω
(on)
Preposição
G3735
orous
ὄρους
(a hill)
Substantivo - neutro genitivo singular
G2749
keimenē
κειμένη
(lying)
Verbo - particípio no presente médio ou passivo - nominativo feminino no singular

Strongs

O objetivo da Concordância de Strong é oferecer um índice de referência bíblico palavra por palavra, permitindo que o leitor possa localizar todas as ocorrências de um determinado termo na Bíblia. Desta forma, Strong oferece um modo de verificação de tradução independente e disponibiliza um recurso extra para uma melhor compreensão do texto.
Autor: James Strong


δύναμαι
(G1410)
Ver mais
dýnamai (doo'-nam-ahee)

1410 δυναμαι dunamai

de afinidade incerta; TDNT - 2:284,186; v

  1. ser capaz, ter poder quer pela virtude da habilidade e recursos próprios de alguém, ou de um estado de mente, ou através de circunstâncias favoráveis, ou pela permissão de lei ou costume
  2. ser apto para fazer alguma coisa
  3. ser competente, forte e poderoso

εἰμί
(G1510)
Ver mais
eimí (i-mee')

1510 ειμι eimi

primeira pessoa do singular do presente indicativo; uma forma prolongada de um verbo primário e defectivo; TDNT - 2:398,206; v

  1. ser, exitir, acontecer, estar presente

ἐπάνω
(G1883)
Ver mais
epánō (ep-an'-o)

1883 επανω epano

de 1909 e 507; adv

  1. acima
    1. de lugar
    2. de número: mais que

κεῖμαι
(G2749)
Ver mais
keîmai (ki'-mahee)

2749 κειμαι keimai

voz média de um verbo primário; TDNT - 3:654,425; v

  1. deitar
    1. de um infante
    2. de alguém sepultado
    3. de coisas que passivamente cobrem algum lugar
      1. de uma cidade situada sobre um monte
    4. de coisas colocadas em qualquer lugar, em ref. ao que freqüentemente usamos “permanecer”
      1. de vasos, de um trono, da posição de uma cidade, de grãos e outras coisas colocadas sobre uma fundação ou base
  2. metáf.
    1. ser colocado (pela vontade de Deus), i.e. destinado, apontado
    2. de leis, serem feitas, decretadas
    3. estar sob poder do mal, i.e., ser mantido em submissão pelo diabo

κόσμος
(G2889)
Ver mais
kósmos (kos'-mos)

2889 κοσμος kosmos

provavelmente da raiz de 2865; TDNT - 3:868,459; n m

  1. uma organização ou constituição apta e harmoniosa, ordem, governo
  2. ornamento, decoração, adorno, i.e., o arranjo das estrelas, ’as hostes celestiais’ como o ornamento dos céus. 1Pe 3:3
  3. mundo, universo
  4. o círculo da terra, a terra
  5. os habitantes da terra, homens, a família humana
  6. a multidão incrédula; a massa inteira de homens alienados de Deus, e por isso hostil a causa de Cristo
  7. afazeres mundanos, conjunto das coisas terrenas
    1. totalidade dos bens terrestres, dotes, riquezas, vantagens, prazeres, etc, que apesar de vazios, frágeis e passageiros, provocam desejos, desencaminham de Deus e são obstáculos para a causa de Cristo
  8. qualquer conjunto ou coleção geral de particulares de qualquer tipo
    1. os gentios em contraste com os judeus (Rm 11:12 etc)
    2. dos crentes unicamente, Jo 1:29; 3.16; 3.17; 6.33; 12.47; 1Co 4:9; 2Co 5:19

Sinônimos ver verbete 5921


κρύπτω
(G2928)
Ver mais
krýptō (kroop'-to)

2928 κρυπτω krupto

verbo primário; TDNT - 3:957,476; v

esconder, ocultar, ser encoberto

metáf. ocultar (aquilo que não deve tornar-se conhecido)



(G3588)
Ver mais
ho (ho)

3588 ο ho

que inclue o feminino η he, e o neutro το to

em todos as suas inflexões, o artigo definido; artigo

  1. este, aquela, estes, etc.

    Exceto “o” ou “a”, apenas casos especiais são levados em consideração.


ὄρος
(G3735)
Ver mais
óros (or'-os)

3735 ορος oros

provavelmente de uma palavra arcaica oro (levantar ou “erigir”, talvez semelhante a 142, cf 3733); TDNT - 5:475,732; n n

  1. montanha

οὐ
(G3756)
Ver mais
ou (oo)

3756 ου ou também (diante de vogal) ουκ ouk e (diante de uma aspirada) ουχ ouch

palavra primária, negativo absoluto [cf 3361] advérbio; partícula

  1. não; se usa em perguntas diretas que esperam uma resposta afirmativa

πόλις
(G4172)
Ver mais
pólis (pol'-is)

4172 πολις polis

provavelmente do mesmo que 4171, ou talvez de 4183; TDNT - 6:516,906; n f

  1. cidade
    1. cidade nativa de alguém, cidade na qual alguém vive
    2. a Jerusalém celestial
      1. a habitação dos benaventurados no céu
      2. da capital visível no reino celestial, que descerá à terra depois da renovação do mundo pelo fogo
    3. habitantes de uma cidade

σύ
(G4771)
Ver mais
(soo)

4771 συ su

pronome pessoal da segunda pessoa do singular; pron

  1. tu

φῶς
(G5457)
Ver mais
phōs (foce)

5457 φως phos

de uma forma arcaica phao (brilhar ou tornar manifesto, especialmente por emitir raios, cf 5316, 5346); TDNT - 9:310,1293; n n

  1. luz
    1. luz
      1. emitida por uma lâmpada
      2. um luz celestial tal como a de um círculo de anjos quando aparecem na terra
    2. qualquer coisa que emite luz
      1. estrela
      2. fogo porque brilha e espalha luz
      3. lâmpada ou tocha
    3. luz, i.e, brilho
      1. de uma lâmpada
  2. metáf.
    1. Deus é luz porque a luz tem a qualidade de ser extremamente delicada, sutil, pura, brilhante
    2. da verdade e seu conhecimento, junto com a pureza espiritual associada a ela
    3. aquilo que está exposto à vista de todos, abertamente, publicamente
    4. razão, mente
      1. o poder do entendimento, esp. verdade moral e espiritual

Sinônimos ver verbete 5817


Enciclopédia

Aqui você pode gerar uma enciclopédia sobre a perícope Mateus 5:14 para a tradução (ARAi) - 1993 - Almeida Revisada e Atualizada
Gerar Enciclopédia

Temas

Os temas relacionados facilitam a pesquisa de assuntos relacionados.
Iluminação Iluminação Luz Luz do Mundo Discipulado Mordomia Envergonhado de Jesus Ide


Comentários

Beacon

Comentário Bíblico de Beacon - Interpretação abrangente da Bíblia por 40 teólogos evangélicos conservadores






Champlin

Antigo e Novo Testamento interpretado versículo por versículo por Russell Norman Champlin é cristão de cunho protestante






Genebra

Comentários da Bíblia de Estudos de Genebra pela Sociedade Bíblica do Brasil para versão Almeida Revista e Atualizada (ARA)






Matthew Henry

Comentário Bíblico de Matthew Henry, um pastor presbiteriano e comentarista bíblico inglês.






Wesley

Comentário bíblico John Wesley - Metodista - Clérigo Anglicano












Wiersbe

Comentário bíblico expositivo por Warren Wendel Wiersbe, pastor Calvinista






Russell Shedd

Comentários da Bíblia por Russell Shedd, teólogo evangélico e missionário da Missão Batista Conservadora.






NVI F. F. Bruce

Comentário Bíblico da versão NVI por Frederick Fyvie Bruce, um dos fundadores da moderna compreensão evangélica da Bíblia






Moody

Comentários bíblicos por Charles F. Pfeiffer, Batista


















Dúvidas

Manual Popular de Dúvidas, Enigmas e Contradições da Bíblia, por Norman Geisler e Thomas Howe






Francis Davidson

O Novo Comentário da Bíblia, por Francis Davidson






John MacArthur

Comentario de John Fullerton MacArthur Jr, Novo Calvinista, com base batista conservadora






Barclay

O NOVO TESTAMENTO Comentado por William Barclay, pastor da Igreja da Escócia






Notas de Estudos jw.org

Disponível no site oficial das Testemunhas de Jeová







Notas de rodapé da Bíblia (HD) - Haroldo Dutra

Mateus 5 : 14

Vós sois a luz do mundo. Não se pode ocultar uma cidade situada sobre um monte;


situada
Lit. "deitar, reclinar; permanecer; ser colocado".


Referências Cruzadas

É sistema de referências cruzadas fornecidas na margem das Bíblias que ajuda o leitor a descobrir o significado de qualquer comparando com outras passagens da Bíblia.

Abaixo, temos as referências cruzadas do texto bíblico de Mateus 5:14

Gênesis 11:4 E disseram: Eia, edifiquemos nós uma cidade e uma torre cujo cume toque nos céus e façamo-nos um nome, para que não sejamos espalhados sobre a face de toda a terra.
Provérbios 4:18 Mas a vereda dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito.
João 5:35 Ele era a candeia que ardia e alumiava; e vós quisestes alegrar-vos por um pouco de tempo com a sua luz.
João 8:12 Falou-lhes, pois, Jesus outra vez, dizendo: Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida.
João 12:36 Enquanto tendes luz, crede na luz, para que sejais filhos da luz. Essas coisas disse Jesus; e, retirando-se, escondeu-se deles.
Romanos 2:19 e confias que és guia dos cegos, luz dos que estão em trevas,
II Coríntios 6:14 Não vos prendais a um jugo desigual com os infiéis; porque que sociedade tem a justiça com a injustiça? E que comunhão tem a luz com as trevas?
Efésios 5:8 Porque, noutro tempo, éreis trevas, mas, agora, sois luz no Senhor; andai como filhos da luz
Filipenses 2:15 para que sejais irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus inculpáveis no meio duma geração corrompida e perversa, entre a qual resplandeceis como astros no mundo;
I Tessalonicenses 5:5 porque todos vós sois filhos da luz e filhos do dia; nós não somos da noite nem das trevas.
Apocalipse 1:20 O mistério das sete estrelas, que viste na minha destra, e dos sete castiçais de ouro. As sete estrelas são os anjos das sete igrejas, e os sete castiçais, que viste, são as sete igrejas.
Apocalipse 21:14 E o muro da cidade tinha doze fundamentos e, neles, os nomes dos doze apóstolos do Cordeiro.

Dicionários

Trata-se da junção de diversos dicionários para melhor conseguir definir os termos do versículo.

Ser

Ser: O ser é uno mesmo quando no corpo ou fora dele. No corpo, ocorre a perfeita integração dos elementos que o constituem, e, à medida que se liberta dos envoltórios materiais, prossegue na sua unidade com os vestígios da vivência impregnados nos tecidos muito sutis do perispírito que o transmitem à essência espiritual.
Referencia: FRANCO, Divaldo P• Impermanência e imortalidade• Pelo Espírito Carlos Torres Pastorino• 4a ed• Rio de Janeiro: FEB, 2005• - O sofrimento

[...] o ser é fruto dos seus atos passados, para agir com as ferramentas da própria elaboração, na marcha ascendente e libertadora.
Referencia: FRANCO, Divaldo P• Párias em redenção• Pelo Espírito Victor Hugo• 7a ed• Rio de Janeiro: FEB, 2004• - L• 3, cap• 5

[...] cada ser é um universo em miniatura, expansível pelo pensamento e pelo sentimento e que possui como atributo a eternidade.
Referencia: SCHUBERT, Suely Caldas• Obsessão/desobsessão: profilaxia e terapêutica espíritas• 16a ed• Rio de Janeiro: FEB, 2004• - pt• 1, cap• 8

[...] o ser é o artífice da sua própria desgraça ou felicidade, do seu rebaixamento ou elevação. [...]
Referencia: SOARES, Sílvio Brito• Páginas de Léon Denis• 3a ed• Rio de Janeiro: FEB, 1991• - Cristianismo e Espiritismo

Fonte: febnet.org.br

Luz

Luz: hebraico: amendoeira
Fonte: Dicionário Adventista

Podar

Podar Cortar galhos (Lv 25:3; Jo 15:2).
Fonte: Sociedade Bíblica do Brasil

Poder

Poder: O poder, na vida, constitui o progresso. O poder é um atributo da sabedoria; a sabedoria a resultante da experiência; a experiência o impulsor de aperfeiçoamento; o aperfeiçoamento o dinamismo do progresso.
Referencia: LACERDA, Fernando de• Do país da luz• Por diversos Espíritos• Rio de Janeiro: FEB, 2003• 4 v•: v• 1, 8a ed•; v• 2, 7a ed•; v• 3, 6a ed•; v• 4, 5a ed• - v• 3, cap• 15

Fonte: febnet.org.br

Cidade

Cidade: Desde o tempo em que a cidade de Jerusalém foi tomada por Davi, tornaram-se os hebreus, em grande parte, um povo habitante de cidades. As cidades eram, no seu maior número, muradas, isto é, possuíam uma muralha com torres e portas. Mas em volta da cidade, especialmente em tempos de paz, viam-se sem defesa os arrabaldes, aos quais se estendiam os privilégios da cidade. Em conformidade ao costume oriental, determinadas cidades deviam abastecer de certos produtos o Estado, para a construção de edifícios, fabricação de carros de guerra, armação de cavaleiros, e provisão da mesa real. Para manutenção dos levitas foram-lhes concedidas quarenta e oito cidades, espalhadas pelo país, juntamente com uma certa porção de terreno suburbano. Antes do cativeiro, o governo interno das cidades judaicas era efetuado por uma junta de anciãos (2 Rs 10.1), juntamente com juizes, devendo estes pertencer à classe sacerdotal. No tempo da monarquia parece que era nomeado, um governador ou presidente, sendo por ele mandados a diversos pontos do distrito os juízes, que, presumivelmente, levavam depois certas questões de dúvida a Jerusalém para serem resolvidas por um conselho de sacerdotes, levitas e anciãos. Depois do cativeiro, disposições semelhantes foram realizadas por Esdras para nomeação de juizes. Em muitas cidades orientais, destina-se grande espaço a jardins, e desta forma torna-se muito maior a extensão da cidade. A notável amplidão das cidades de Nínive e Babilônia pode assim, em parte, ser explicada. As ruas são, em geral, extremamente estreitas, raras vezes permitindo que dois camelos carregados passem um pelo outro. o comércio interno das cidades era sustentado, como hoje acontece, por meio de bazares. o profeta Jeremias fala-nos (37,21) da Rua dos Padeiros. os espaços abertos, junto às portas das cidades, eram, em tempos antigos, como ainda são hoje, usados pelos anciãos para suas assembléias, e pelos reis e juizes para reunião de cortes e constituição de tribunais e pelo povo para tratarem das suas regalias. Também se empregavam para exposição pública, quando era preciso castigar assim os culpados de certos delitos. Havia grandes trabalhos para abastecer de água as cidades, empregando-se reservatórios e cisternas que se enchiam com as águas pluviais, ou trazendo de distantes nascentes o precioso líquido por meio de aquedutos.
Fonte: Dicionário Adventista

Pesquisando por Mateus 5:14 nas obras literárias.

Procurar Vídeos Sobre Mateus 5:14

Referências em Livro Espírita


Cairbar Schutel

mt 5:14
Parábolas e Ensinos de Jesus

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 42
Página: -
Cairbar Schutel
Detalhes Comprar

Emmanuel

mt 5:14
O Consolador

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 0
Página: 138
Francisco Cândido Xavier
Emmanuel
Detalhes Comprar
mt 5:14
Caminho, Verdade e Vida

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 76
Página: 167
Francisco Cândido Xavier
Emmanuel
Detalhes Comprar
mt 5:14
Fonte Viva

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 105
Página: 243
Francisco Cândido Xavier
Emmanuel
Detalhes Comprar
mt 5:14
Livro da Esperança

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 13
Página: 55
Francisco Cândido Xavier
Emmanuel
Detalhes Comprar
mt 5:14
Evangelho por Emmanuel, O – Comentários ao Evangelho Segundo Mateus

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 50
Francisco Cândido Xavier
Emmanuel
Detalhes Comprar

Francisco Cândido Xavier

mt 5:14
Ceifa de Luz

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 60
Página: 199
Francisco Cândido Xavier
Detalhes Comprar

Wesley Caldeira

mt 5:14
Da Manjedoura A Emaús

Categoria: Livro Espírita
Ref: 11454
Capítulo: 14
Wesley Caldeira
Wesley Caldeira
Detalhes Comprar

João Marcos Weguelin

mt 5:14
Cartas do Alto

Categoria: Livro Espírita
Capítulo: 46
Francisco Cândido Xavier
Diversos
João Marcos Weguelin
Detalhes Comprar

Referências em Outras Obras


Huberto Rohden

mt 5:14
Nosso Mestre

Categoria: Outras Obras
Capítulo: 43
Huberto Rohden
Detalhes Comprar

CARLOS TORRES PASTORINO

mt 5:14
Sabedoria do Evangelho - Volume 2

Categoria: Outras Obras
Capítulo: 32
CARLOS TORRES PASTORINO
Detalhes Comprar
mt 5:14
Sabedoria do Evangelho - Volume 5

Categoria: Outras Obras
Capítulo: 14
CARLOS TORRES PASTORINO
Detalhes Comprar
mt 5:14
Sabedoria do Evangelho - Volume 6

Categoria: Outras Obras
Capítulo: 25
CARLOS TORRES PASTORINO
Detalhes Comprar
mt 5:14
Sabedoria do Evangelho - Volume 7

Categoria: Outras Obras
Capítulo: 16
CARLOS TORRES PASTORINO
Detalhes Comprar

Colaboradores

Esta é uma área reservada para apresentar os materiais enviados pelos colaboradores.
Contribua conosco. Envie seus estudos sobre Mateus 5:14.
Podem ser texto, planilha, áudio, apresentação ou vídeo.

Enviar meu Material